Coffea Arabica

CC by bennylinVocê já reparou que algumas embalagens de café possuem os dizeres “100% arábica”? Isso se deve ao fato que existe mais de uma variação de planta de café, o que talvez nem todo mundo saiba.

A coffea arabica é tida como a primeira variação a ser cultivada, no sudeste da Arábia, há mais de um milênio, daí o “arabica” do nome. Dizem que é a melhor variação de café (mas isso é subjetivo, né?) e também é a versão com menor quantidade de cafeína.

Segundo especialistas, a variação arábica produz uma bebida com equilíbrio perfeito de doçura e acidez. O grão arábico é bastante aromático, encorpado e agradável. O grau de amargor é baixo, o que torna a bebida muitíssimo apreciada.

Por ser a variação mais trabalhosa de se cultivar, que exige temperatura e altitude para cultivo ideais, o café com “100% arábica” costuma ser um dos mais caros e produz vários tipos de cafés especiais.

Beijinhos,

Lak

Se você gostou, leia também:

4 respostas a Coffea Arabica

  1. Mariana disse:

    Hmm, essa eu acho que ia gostar. Onde diz “o grau de amargor é baixo” já me conquistou. Hahha

    Beijos

  2. Douglas disse:

    Seu comentário está certo sobre o arábica, mas é facil de saber o que não é. O Brasil produz também muito café conilon e robusta, que são provenientes de outra espécie de cafeeiro, Coffea canephora. É comum que a maior parte dos cafés brasileiros vendidos no mercado sejam misturas de Coffea arabica (o “arábica”) e Coffea canephora (robusta e conilon).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *